início do conteúdo

IFMT assina protocolo de intenção com a Prefeitura de Cuiabá para capacitação de agricultores familiares

Publicado em: Reitoria / 13 de Julho de 2017 às 17:30

O Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) e a Prefeitura de Cuiabá assinaram nessa quinta-feira, dia 13 de julho, um protocolo de intenções visando o fortalecimento da agricultura familiar do município de Cuiabá, no qual o foco é a capacitação de 70 agricultores familiares em cinco comunidades rurais da Baixada Cuiabana. A prefeitura recebeu do governo federal 70 kits de irrigação e com a parceria técnica, 10 alunos do curso técnico em agropecuária do IFMT - Campus São Vicente, sob orientação de um professor, capacitarão diretamente os pequenos produtores nas comunidades rurais.

O reitor do IFMT, professor Willian Silva de Paula, destacou que a finalidade dessa parceria é atender da melhor forma possível o agricultor familiar da Baixada Cuiabana. “Através da nossa instituição esses projetos serão alavancados, não só ao kit de irrigação, que cada propriedade vai receber. Mas iremos além, com a formação desse agricultor familiar na questão da extensão rural que é uma coisa que a gente vai fortalecer e principalmente vislumbrando a formação de nossos alunos”, disse o reitor.

Willian de Paula falou que no momento que a instituição realiza esse trabalho junto com os agricultores familiares, os estudantes estarão numa prática de estágio. “Já para os produtores, será um curso diferenciado para eles, pois são cursos que respeitamos a dinâmica do dia a dia, principalmente focando o arranjo produtivo local. Então, haverá muito diálogo com a comunidade, até para ver as demandas e as reais necessidades desses produtores”, conta o reitor.

O secretário municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Vinicius Hugueney, disse que essa parceria com o IFMT é de grande importância, pois proporcionarão essa assistência técnica aos produtores rurais. “Iremos auxiliá-los desde a instalação do kit, até o alimento ser entregue na mesa das pessoas”, disse o secretário. Ele falou que já está marcado para segunda-feira, dia 17 de julho, a data de entrega dos kits de irrigação.

O Pró-Reitor de Extensão do IFMT, Marcus Vinicius Taques, avalia que a assinatura desse protocolo de intenções é de extrema importância porque levará aos agricultores familiares, a extensão rural e a qualificação. “Nós temos 19 campi e vários deles são de formação agrícola, portanto, possuímos conhecimento para ofertar e não podemos ficar à parte desse processo. A primeira ação é a qualificação desses kits, e outras ações serão desencadeadas por outros campi na sequência, cada um com uma qualificação específica”, disse Marcus Taques.

Esse protocolo de intenções com a Prefeitura de Cuiabá envolverá os campi do IFMT da Baixada Cuiabana: o Campus São Vicente com a capacitação dos kits de irrigação e boas práticas; o Campus Várzea Grande oferecerá curso na área de gestão/ planejamento familiar e georreferenciamento para regularização fundiária desses lotes; o Campus Cuiabá com o curso de geoferenciamento e de construção civil; e o Campus Bela Vista com curso na área de boas práticas e manipulação de alimentos.

O diretor de Agricultura e Abastecimento, Juarez Fiel, explicou que a ideia é organizar esse produtor rural. “Primeiro na condição dele produzir e segundo na comercialização. Essa ação será o primeiro passo de muitos outros. Queremos fazer outras parcerias para outros cursos, como de abate de frango semi-caipira, hortaliças e verduras”, disse Juarez Fiel.

Juarez Fiel ressaltou que a escolha do IFMT é porque nesse projeto a prefeitura busca uma ação direta do aluno com o produtor. “Eu não gostaria que esse conhecimento fosse levado numa sala de aula com ar-condicionado e quando o agricultor fosse embora, 10 km dali, nem se lembrasse do que aprendeu. Eu quero que o aluno esteja no local, orientando o produtor, tirando as suas dúvidas”, disse o diretor de agricultura e abastecimento.

Ele ressaltou que espera ter como resultado dessa capacitação a melhoria da produção agrícola da Baixada Cuiabana, pois atualmente são comprados mais 90% da produção de outros municípios e estados brasileiros.

O diretor do IFMT - Campus são Vicente, Livio Wogel, explicou que os alunos serão selecionados por projetos de extensão e irão para as comunidades rurais. Serão alunos do 3º ano do curso técnico em agropecuária, que receberão uma bolsa no período de seis meses, no valor de R$ 250,00 e o acompanhamento de um professor orientador.

Além da capacitação para utilização do kit de irrigação, o curso ofertará boas práticas, como manejo e preparo do solo. “Para nossos alunos esse encontro com os agricultores representa conhecer, tanto a parte cientifica como acadêmica, e como isso se aplica na realidade. Para eles será aliar a teoria e a prática. O aprendizado será real, porque a situação real exige tais conhecimentos, vai conseguir além de aplicar, ressignificar os conhecimentos. Porque senão fica no universo do imaginário”, finalizou o diretor-geral do IFMT – Campus São Vicente.

 Ascom/Reitoria/IFMT - Notícia atualizada no dia 21/08/2017

 

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - Campus Cuiabá - Bela Vista

Av. Juliano Costa Marques, s/n - CEP: 78.050-560

Telefone: (65) 3318-5100

Cuiabá/MT